sábado, 2 de setembro de 2017

PREFÁCIO DO LIVRO " O HOMEM MAIS INTELIGENTE DA HISTÓRIA"


   Provavelmente fui mais cético e crítico do que os grandes ateus da história, como Marx, Nietzsche, Didedort, Freud, Sartre. Ao produzir uma das poucas teorias da atualidade sobre o funcionamento da mente e o processo de formação de pensadores, tornei-me há muito anos um ateu científico, enquanto a maioria dos ateus notáveis foi, na realidade, composta de antirreligiosos. 
   Apesar dos meus limites, resolvi estudar de forma detalhada a mente do personagem mais famoso da história sob critérios psicológicos, psiquiátricos, psicopedagógicos e sociológicos. Esperava, ao estudar a personalidade de Jesus, encontrar uma inteligência humana, pouco criativa, pouco analista, pouco instigante, sem gestão da emoção, ou então um “herói” mal construído por galileus. Entretanto, fiquei perplexo. Tornei-me um ser humano sem fronteiras. 
   O resultado dessa prolongada pesquisa, que levou mais de 15 anos, compõe esta obra, O homem mais inteligente da história, que se constituirá de vários volumes. Creio que, se não tivesse 30 anos de experiência como pesquisador e profissional de saúde mental – com mais de 20 mil atendimentos -, não teria condições de escrevê-la. Apesar disso, a fim de ter mais liberdade para expressar meu processo de produção de conhecimento, preferi escrever em forma de romance. 
   E fico tão feliz com o fato de que, assim como alguns de meus livros estão sendo adaptados para as telas do cinema pela Warner/Fox – como O vendedor de sonhos, O futuro da humanidade e Petrus Logus -, esta obra se tornará um seriado internacional. Recentemente, um notável cineasta me pegou pelo braço e confessou que filmar uma série baseada em O homem mais inteligente da história será seu mais importante projeto de vida!
   O psiquiatra e cientista Marco Polo é o personagem desta obra. Durante uma importantíssima conferência promovida pela ONU em Jerusalém para discutir o futuro do planeta Terra, ele abalou os presentes ao falar sobre a preservação de outro planeta, o planeta emoção. “Antes de os recursos da Terra se esgotarem, esgota-se primeiro a mente humana”, declarou ele. 
   Questionado sobre quais pensadores foram bons gestores da emoção, Marco Polo comentou: “Todos os que eu estudei falharam: Freud, Einstein, Gandhi, Nietzsche...”, deixando a plateia em choque. Mas, em seguida, uma socióloga americana lançou a pergunta fatal: “E Jesus?” Marco Polo foi categórico: “Como sou ateu, não discuto religião em minhas conferências.”
   Porém a plateia de intelectuais, sabendo que estudava o processo de formação de pensadores, o desafiou a estudar a mente de Jesus sob a luz das ciências humanas. Ele resistiu muito, mas por fim montou uma mesa de notáveis para refletir e analisar a inteligência de Cristo. 
   Talvez pela primeira vez na história o intelecto de Jesus será estudado sob parâmetros seríssimos como habilidade de lidar com perdas e frustrações, resiliência, autocontrole, capacidade de proteger a emoção e ferramentas para formar mentes brilhantes. 
   Marco Polo pouco a pouco descobrirá que ele mesmo, as ciências humanas e todas as religiões erraram dramaticamente em não ter estudado Jesus em termos científicos. A mente do mais famoso personagem de todos os tempos é muito pouco conhecida, inclusive pelos bilhões de seres humanos das mais diversas religiões que o admiram...
   Com a avalanche de estímulos estressantes que viveu desde a infância, Jesus tinha muito motivos para ter depressão e ansiedade. Mas ele geriu sua emoção? Desenvolveu uma saúde mental sólida? Teve autocontrole nos focos de tensão? Como educador, tinha tudo para fracassar, pois escolheu um time de jovens com vários transtornos de personalidade e que só lhe davam dor de cabeça. Mas será que ele usou técnicas psicológicas modernas para transformar pedras brutas em obras de arte?     Ele teve êxito?
   O mundo comemora o nascimento de um menino cuja personalidade não conhece e não sabe como se formou. Surpreendi-me muitíssimo com essa análise e provavelmente muitos ficarão surpresos e até perplexos com O homem mais inteligente da história. 
   Julgue por si mesmo.!
   Dr. Augusto Cuty. (FONTE:
Livro: O homem mais inteligente da história, autor: Dr. Augusto Curi, Editora Sextante. E-mail atendimento@sextante.com.br ).

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

SALTO ABRUPTO DOS 18 AOS 80 ANOS


   Foi impactante vivenciar, num repente, o salto da idade de um amigo dos 18 aos 80 anos. Esse experimento eu vivi ao reencontrar esse amigo que não via depois de passados 62 anos. Como, pela ausência, deixei de acompanhar o envelhecimento dele, que é a implacável tangência, guardei a memória de quando o vi pela última vez, jovem, cheio de vida e de sonhos. Foi com perplexidade que assisti a essa imagem remota dar um salto abrupto para o momento do reencontro com as duas épocas se unindo e formando um só presente, com a sensação de que o tempo não havia passado.
   Como imaginar alguém salta da juventude à velhice num piscar de olhos? É o que acontece num reencontro. O fenômeno torna-se espantosamente real. Vemos a mesma pessoa no presente com duas idades, duas fisionomias, duas estaturas. Descrever isso com palavras é impossível. É preciso sentir, e isto é individual. Não podemos transmitir a outrem a sensação proporcionada por esse passe de mágica que faz a florescência da vida avançar, como a um passe de mágica, para a inevitável decrepitude. E o que ocorre conosco em relação aos outros é o que ocorre a eles em relação a nós. 
   Quantas vezes na juventude nos perguntamos como seríamos e como e como seriam os nossos amigos aos oitenta anos! E vemos isto quando reencontramos alguém que não víamos desde seis décadas atrás. Então, o que era antes uma imagem difusa, torna-se real, porque o interregno do tempo de ausência desaparece, como inexistente. Ao reencontrar meu amigo de juventude mais de meio século depois, parecíamos estranhos um ao outro, embora a memória reavivando claramente acontecimentos passados. 
   Onde aqueles sonhos de outrora, onde as respostas àqueles antigos questionamentos? Irrelevante buscá-los agora, porque se apagaram nas brumas do tempo, perderam significado. Misturam-se as vagas lembranças do passado com a repentina realidade do avanço do tempo, um tempo que não vimos transcorrer porque não vivemos lado a lado esse período de circunstancial separação. Então, isto que não se vivenciou juntos é como se não houvesse existido. (FONTE: WALMOR MACCARINI, jornalista em Londrina, página 2, coluna ESPAÇO ABERTO, quarta-feira, 17 de agosto de 2017, publicação do jornal FOLHA DE LONDRINA). *Os artigos devem conter dados do autor e ter no máximo 3.800 caracteres e no mínimo 1.500 caracteres Os artigos publicados não refletem necessariamente a opinião do jornal. E-mail: opinião@folhadelondrina.com.br

ESCOLA: ENTE MODIFICADOR DO TURUO


   Que o Brasil é um país rico em recursos naturais todos nós sabemos, que o Brasil é um país promissor no campo da tecnologia também temos consciência. Contudo, o país sempre teve dificuldades em alavancar patamares de excelência. Historicamente somos um país sucateado, pobre e desigual, isso devido à péssima educação à qual somos submetidos. 
   Para que o Brasil avance de forma justa, é fundamental investir na base educacional, formando cidadãos conscientes de seu papel na sociedade e assim projetar um futuro melhor para a nação. 
   Porém, para que isso se torne realidade, é imprescindível que tenhamos pessoas honestas e comprometidas com a mudança nos rumos da nação. É necessário realizar uma relação tríade entre governo, escola e aluno para que assim possamos mudar o cenário atual. 
   O governo deve agir como um ente propulsor, ou seja, as práticas e projetos governamentais devem primar por uma educação de excelência, visando sempre a formação ética, moral e tecnológica dos indivíduos. No entanto, para que isso ocorra, é necessário uma mudança profunda na conduta dos governantes, devendo estes governar para o povo e não para alimentar seus desejos sórdidos pelo dinheiro e poder. 
   É preciso valorizar a escolar como ente modificador do futuro, investir na formação profissional, tratar as crianças como se diamante fossem, lapidando e disseminando a cultura da honestidade, da probidade e da valorização da educação. 
   Por sua vez a família precisa compreender que a única solução para a mudança é encontrada por meio da educação, pois esta irá refletir diretamente nas escolhas das crianças, transformando-as em agentes de propagação de esperança de um dia melhor. 
   Se todos unirem forças em direção a uma educação de excelência, certamente, teremos um Brasil forte moral e economicamente, um país justo transformando aquilo que era apenas sonho em realidade. (FONTE: DRAYSON RICARDO BUENO COSTA, professor e advogado em Cambé, página 2, -coluna ESPAÇO ABERTO, quarta-feira, 17 de agosto de 2017, publicação do jornal FOLHA DE LONDRINA). *Os artigos devem conter dados do autor e ter no máximo 3.800 caracteres e no mínimo 1.500 caracteres. Os artigos publicados não refletem necessariamente a opinião do jornal. E-mail: opinião@folhadelondrina.com.br

domingo, 13 de agosto de 2017

DIA DOS PAIS e ATÉ BREVE


   A todos vocês que me prestigiaram com suas visitas a este pretenso “blog”, fica aqui registrado o meu sincero agradecimento. 
Vou parar por algum tempo. Se tudo der certo, depois de minha cirurgia- ainda não marcada – voltarei a postar algo, algo meu, de meu dia a dia, como os que estão na página “Meus desabafos”
   Estive transcrevendo notícias que julgo importantes. 
   Desculpem-me pela pobreza de alguma matéria ou temas..
   Gratíssimo pelo apreço, consideração e incentivo. 
   Até qualquer dia. Pretendo continuar transcrevendo as crônicas e algumas outras manchetes. Meu abraço a todos vocês. 
Boa sorte!

   DIA DOS PAIS 

   FELIZ DIA DOS PAIS. Que Deus os abençoe. Meu papai descansou em 1968, devido a paralisação dos rins. Que descanse em paz. Meu abraço a todos os papais.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

A HONRA E O RESPEITO AOS NEGÓCIOS


   Você sabia que conceder a devida honra a uma pessoa facilita muito as possibilidades de negócios com ela? É fato. E com a sua permissão, farei algumas poucas considerações sobre honrar e respeitar gente. 
   É de nossa natureza assumir que os amigos nos dão menos respeito do que julgamos merecer. Mas trata-se de um grande equívoco. 
  Geralmente os nossos amigos têm estima e a preço por nós na mesma proporção que lhes temos. Está é uma fabulosa e confortante verdade. 
   Assim, em qualquer relacionamento, a harmonia dependerá sempre muito mais da minha efetividade em honrar o outro do que de me sentir honrado e respeitado por ele. Quero dizer que o equilíbrio só se alcança mediante a atitude de conceder o respeito e a honra ao outro porque, via de regra, ele irá devolver automaticamente, na mesma medida, tudo o que eu lhe dedicar, mesmo que eu tenha a impressão que não. 
  Compartilho a seguir uma importante orientação que há muitos anos, recebi do meu mestre, da qual demorei-me demais constatar a profundidade e praticidade. 
   “Ponha o seu foco sobre vencer a tendência psicológica negativa de desvalorizar o respeito que os outros lhe concedem, porque certamente isto advém de um engano cuja raíz está em alguma situação particular. Dê honra e não deseje honra , pois os sábios ensinaram que ‘a inveja, a cobiça e o desejo de ser honrado tiram o homem do mundo. Entenda tirar o homem do mundo’ como ‘cegar seus olhos para a realidade’. Isto certamente seria terrível para a vida pessoal e profissional. Respeite sem jamais se preocupar com o quanto percebe que lhe respeitam. Você viverá mais feliz e fará melhores negócios”? (FONTE: Crônica de ABRAHAM SHAPIRO, consultor e coach de líderes em Londrina, FOLHA EMPREGOS & CONCURSOS, segunda-feira, 7 de agosto de 2017, publicação do jornal FOLHA DE LONDRINA).

Comente!

Comente!

.

.

.

.

Comentários

Wanda Cobo

"Maravilha meu amigo, continue nos deliciando com suas ideias." W.D Londrina-Pr


Adilson Silva

Olá Professor José Roberto, Parabéns pelas excelentes matérias , muito bom conhecimento para todos. muita paz e fraternidade. Londrina-Pr

Marcos Vitor Piter

Excelentes e Sabias palavras parabéns Professor um Abraço dos Amigos de Arapongas - PR.

João Costa

Meus parabéns por vc e por tudo que pude ler continue levando este conhecimento p/ todos. Forte abraço! João Batista.
--------
Meu amigo continue contribuindo com a sua sabedoria. Forte abraço... João Batista 31/10/2013
Daiane C M Santos
Parabéns, muito criativo e inteligente!
Zeze Baladelli
Oi meu amigo,entrei seu blog,parabéns querido,voce é um gentleman,um grande amigo e muito inteligente,desejo que Deus te abençoe mais e mais...super beijo...



MARINA SIMÕES

Caro amigo Roberto, muito obrigada por suas sábias e verdadeiras palavras. Como é bom encontrarmos no nosso dia adia pessoas que comungam nossas idéias, nossas críticas, ou mesmo comentário sobre determinados assuntos. Eu procuro escrever e mostrar mensagens de
fé, de esperança, ou mesmo um alento carinhoso para nós que vivemos um mundo tão cruel, egoísta e caótico. Estou tentando escrever um comentário sobre seus textos. Parabéns, eu os tenho como que a "arquitetura" com as palavras. É um estilo totalmente seu, e meu amigo é simplesmente estimulante. Ele nos faz pensar e isto é muito bom. Um grande abraço. Marina.



JOÃO RENATO
Aqui estou eu novamente é impossivel não entrar aqui para vê estas maravilha por vc postada. Forte abraço do seu amigo hoje e sempre...........

ADALGISA
Parabéns! meu amigo querido!!!Adorei seu blog, mensagens lindas e suaves como a tua persoalidade e seu jeito de ser!!!Abraços e beijos.
TIAGO ROBERTO FIGUEIREDO
Parabéns professor José Roberto seu blog está divino..abs !
JAIRO FERNANDES
Olá, Querido Professor José Roberto! Fiquei muito emocionado com suas mensagens postadas, gostaria muito de revê-lo novamente após muitos anos, você fora meu professor e tenho muita saudade, gostaria que enviasse-me o seu endereço.ʺ Deus te ilumine sempreʺ Pois fazes parte de minha história de vida.
ALICE MARIA
Oi tio.Muito lindo seu cantinho na internet. Tô de olho. Lembro também de algumas coisas lá da Serra, principalmente da venda do vô Rubens. Beijo ,Alice Maria.

WANDA COBO

WANDA COBO

Postagens populares